Aparecer no Google é fundamental

aparecer no Google
Renata Covo Riera

Renata Covo Riera

Coordenadora de Marketing de Conteúdo e SEO na Rise Up, estudei Publicidade e Fotografia. Atualmente estudo sobre Marketing Jurídico. Apaixonada por vinho, fotografia P&B e Charles Bukowski. Amo escrever nas horas vagas e quem sabe vem um livro de poemas por ai?

Sumário

Aparecer no Google é fundamental! E isso não é novidade para ninguém.

Muitas pessoas nos perguntam como fazer para aparecer no Google, como ranquear conteúdo, ter mais visitas, gerar mais resultados.

O Google é a maior fonte de visitas da internet, e os melhores leads são usuários vindos de resultados de busca, ou seja, pesquisas no Google.

“Um estudo feito pela Web Estratégica, em parceria com a SEMrush, analisou a forma como os brasileiros compram online e demonstrou que 52,5% das visitas nos maiores e-commerces brasileiros acontecem via tráfego direto. Além disso, comprovou que a segunda maior fonte de tráfego são as visitas orgânicas, das quais o Google representa 98% do total.” Rafael Rez – Especialista em Marketing de Conteúdo

Para aparecer no Google, fazer SEO é imprescindível

Muito se fala em Marketing de Conteúdo, mas as pessoas, que não são experts em marketing, acham que fazer conteúdo é besteira. Eu posso dizer com todas as letras que: NÃO SE FAZ MARKETING SEM CONTEÚDO.

E se você ainda tiver uma boa noção de SEO, será muito útil neste universo do marketing. A maioria das visitas do site da Rise Up, vem do tráfego orgânico.

Se quiser aprender um pouco mais sobre SEO, leia os conteúdos abaixo:

O que é SEO? Dicas de como conquistar o topo do Google

Qual a importância do SEO no conteúdo?

O Google analisa os sites em três fases

Existem três fases para que o Google analise seu site e, se você quer aparecer no Google, fique atento. São elas:

1 – Rastreamento

O site precisa ser rastreável pelo Google e por outros robôs de busca, ser rápido, ter sitemaps, e uma outra coisa imprescindível para seu negócio, é estar cadastrado no Google Meu Negócio.

2 – Indexação

Nesta segunda fase, que corresponde  à inserção das páginas rastreadas no Índice de Páginas do Google, é o momento onde o buscador exclui conteúdos duplicados, e dá maior prioridade às páginas mais relevantes, entendendo as ligações entre seu site e outros do mesmo nicho, onde será possível ficar na frente dos demais.

e-book marketing de conteúdo

3 – Ranqueamento

O ranqueamento é a etapa que pode ser visível aos usuários, e significa a ordenação das páginas a cada pesquisa feita por uma palavra-chave. Ou seja, quando um usuário faz uma pesquisa (busca), o Google apresenta resultados personalizados.

O Google está sempre atualizando seus algoritmos, e hoje, o que realmente conta, é um conteúdo de qualidade, baseados em técnicas de SEO e atualizados com frequência.

Além disso, o Google preza pela boa experiência do usuário. Vamos supor que você esteja pesquisando por uma determinada palavra-chave, um produto que queira comprar ou termo que queira entender melhor.

“Se você ‘cair’ em um site lento, que não apresenta uma boa navegação, que não oferece mensagens claras e objetivas, que não tenha um conteúdo útil e bem escrito, o algoritmo do Google é programado para entender que não existe relevância nenhuma naquele site”. Renata Covo – Coordenadora de Conteúdo na Rise Up.

Não existem segredos, nem truques mirabolantes, o que existem são regras:

  • Priorize as regras
  • Produza conteúdos de valor para seu público-alvo,
  • Saiba o mínimo de SEO (se tiver tempo, faça um curso, existem vários cursos gratuitos e bons que você encontra na internet),
  • Tenha constância nas publicações,
  • Tire as dúvidas de seus clientes (as dúvidas podem ser ótimos temas para posts).

Lembre-se que: se seus clientes possuem dúvidas, muito provavelmente outras pessoas possuem as mesmas dúvidas, por isso, fazer artigos e posts sobre esses temas é uma boa tática para atrair leads interessados.

Preciso fazer Google Ads para aparecer?

Dependendo do nicho eu costumo dizer aos meus clientes que sim! Ranqueamento orgânico não acontece da noite para o dia.

A maioria das pessoas que querem fazer marketing para seus negócios acham que, se produzirem conteúdos e postarem, logo estarão na primeira página do Google. Isso não é verdade.

Na maioria das vezes, seus conteúdos vão demorar um pouco para começar a ranquear, a não ser que você escreva algo que quase ninguém escreveu ( o que é muito difícil de acontecer) com todas as dicas acima e que tenha uma palavra-chave com um bom número de buscas. Neste caso, se seu conteúdo for realmente relevante, logo estará ranqueando.

A princípio, é preciso ter um pouco de paciência. Hoje em dia, como dito acima, o Google consegue entender quais conteúdos são mais relevantes para determinada palavra-chave, então uma boa dica é: não “encha linguiça”. Escreva um conteúdo de valor, sem cópias. Domine seu mercado. Entenda do seu produto. Só assim, e com o tempo, seus conteúdos começarão a ranquear nas primeiras páginas do Google.

Se você quiser saber mais sobre Google Ads, Marketing de Conteúdo, Inbound Marketing, Tráfego e Outbound Marketing, acesse nossa home. Entre em contato conosco!

Acesse nosso canal do Youtube

Siga nosso Instagram: @riseupmkt

Compartilhe:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima